8 de fevereiro de 2011

 

O vandalismo nunca mais acaba em Idanha-a-Nova

O vandalismo é sem dúvida um fenómeno dos tempos modernos. Mas não é fruto da democracia nem da liberdade, antes é resultado da falta de civismo de sectores da sociedade e da permissividade das forças de segurança. Acho incrivel coisas destas aparecerem numa pacata vila do interior do país. Só mesmo por falta de policiamento, pois os possiveis vandalos estaram todos referenciados, só não os apanham porque a GNR não quer chatices, e afinal os "meninos até só partem umas lampadazitas". Mas isto é inadmissivel, não é só aqui na capela de S. Jerónimo, é também no castelo e na praça da igreja matriz. Organizem-se. A Câmara Municipal anda a efectuar, e bem, estas obras para meia dúzia de meliantes darem cabo? A força armada que deia cabo deles, para isso lhes pagamos ao fim de cada mês.

Ponto de luz vandalizado
O telhado também sofre...
Mais uma luz vandalizada
Neste ponto de luz até se deram ao luxo de deixar a arma do crime
O aprazivel conjunto que uns quantos teimam em sonegar à comunidade. Tem palavra a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova. Meus senhores, mexam-se. Ponham na ordem estes "ganberros"

Etiquetas: ,




Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?