11 de novembro de 2010

 

XXII Jornadas de Estudo 'Medicina na Beira Interior: da Pré-história ao séc. XXI'

Amato Lusitano     

Vão ter lugar nos dias 12 e 13 de Novembro de 2010, em Castelo Branco, nas instalações da Biblioteca Municipal, as XXII Jornadas de Estudo 'Medicina na Beira Interior: da Pré-história ao séc. XXI'. Os trabalhos desta edição serão subordinados aos seguintes temas: O coração e o espírito na obra de Amato Lusitano; Coração e espírito na literatura médica da Beira Interior e da Raia; Outras comunicações com interesse para a história da medicina.
Mantem-se o objectivo afirmado desde as Jornadas iniciais, em 1989, que é, numa perspectiva interdisciplinar, no quadro das ciências humanas (em todas as suas ramificações e não apenas no que à medicina científica, no seu sentido restrito, se refere), o estudo de aspectos que permitam aprofundar o conhecimento da nossa realidade humana e cultural, com raízes na Beira Interior. Estas Jornadas antecipam o acontecimento marcante do V Centenário do nascimento, em Castelo Branco, de Amato Lusitano, a ter lugar em 1511. Sublinho apenas que estas Jornadas devem ser a reunião científica mais antiga do país  em  continuidade, e ainda por cima edita todos os anos os cadernos das actas o que é louvável, assim como estão disponíveis na Internet. Ora este milagre realizado no interior deste país em crise ciclica, só é possível devido ao empenho e persistência dos meus Amigos Drs. António Lourenço Marques (médico) e António Salvado(museólogo e poeta). Parabéns aos dois. Este ano por motivos pessoais não poderei estar presente fisicamente, mas o espírito por lá andará.
PROGRAMA
Dia 12 - 18:30:
  • Palavras de abertura
  • António Pedro Pita- (Re)pensar Portugal: a 'doença'como metáfora de 'crise': alguns aspectos
  • Apresentação do Volume 24 dos Cadernos de Cultura 'Medicina na Beira Interior: da Pré-história ao séc. XXI'
Dia 13 - 09:30:
  • Alfredo Rasteiro - Amato Lusitano, Doutor Amato, quinhentos anos
  • António Lopes de Andrade - Amato Lusitano em Ferrara
  • J. David Morais - Meditação de Amato Lusitano no leito de morte: uma auto-biografia possível
  • João Maria Nabais - Amato e os médicos da diáspora: a face oculta das atribulações dos judeus portugueses
  • José Morgado Pereira - As perturbações mentais nas Centúrias de Amato
  • António Maria Romeiro Carvalho - Castelo Branco no tempo de Amato Lusitano: limites e toponímia da cidade
  • António Lourenço Marques - Amato Lusitano: o médico vai até ao fim
  • António Salvado - Ode a Diogo Pires, primo de Amato
  • Maria Adelaide Salvado - A epidemia de 1864 na região do Pinhal e a questão da formação dos curandeiros
  • Vítor Matos - Um caso de Mal de Pott detectado num esqueleto exumado aquando das obras de restauro da sé de Castelo Branco em 2004
  • Maria Antonieta Garcia - Maria adelaide Coelho da Cunha - condenada por médicos e juízes
  • Albano Mendes de Matos - João Figueirinhas, um reumatologo do Alcaide
  • Hélder Henriques - Dr. Alberto Trindade: deambulação biográfica
  • Joaquim Candeias da Silva - Medicina e republicanismo na Beira Interior: a propósito do 1º centenário da implantação da República
  • Pedro Miguel Salvado - As medicinas no discurso etnográfico da Beira Baixa: diacronias e sincronias
  • João Rui Pita e Ana Leonor Pereira - A saúde na beira Interior há cerca de 100 anos atrás
  • Maria de Lurdes Cardoso - Vila Velha de Ródão: um século de cuidados de saúde (1883-1983)
  • José Teodoro Prata e Tiago Rodrigues Teodoro - O hospital de S. Vicente da Beira: 1916-1920: o impacto da gripe pneumónica
  • Aires Gameiro - Ordens religiosas hospitaleiras na história do tratar e cuidar antes e após a I República
  • Maria do Sameiro Barroso - O iconodiagnóstico aplicado a duas estátuas da Lusitânia romana (Museu Nacional de Arqueologia)
  • Maria José Leal - Quebrando o circuito da fome durante 25 séculos: do Chi Kung ao Inedia
  • Aires Gameiro - Notas à volta da teoria da degenerescência mental e o Dr. Miguel Bombarda: o caso da cura do Tenente Aparício Rebêllo dos Santos na Casa de Saúde do Telhel
  • Augusto Moutinho Borges - S. João de Deus na azulejaria em Portugal: séc. XVII-XXI: figurações assistenciais e de hospitalidade
  • Cecília Longo - Perspectiva de Portugal e as epidemias com principal enfoque em Lisboa e na Peste Branca(Tuberculose)
  • Maria do Céu Antunes Martins - Alimentação como género
  • Maria Cândida Maia - Fome de higiéne e justiça: testemunhos de médicos em trás-os-Montes nos inícios do séc. XX
Leitura das conclusões e encerramento dos trabalhos.




Etiquetas:




Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?