27 de outubro de 2008

 

Igreja matriz de Proença-a-Velha assaltada

Infelizmente os assaltos às igrejas da nossa zona parecem mão terem fim. Agora calhou em "sorte" a matriz de Proença-a-Velha. Neste momento ainda não possuo muitos dados sobre o ocorrido, mas posso adiantar que os meliantes rapinaram algumas imagens entre as quais o Espírito Santo, assim como começaram a desmontar o altar de talha dourada, tendo levado algumas partes, colunas creio.
Já estou a ficar farto de tanta roubalheira, impune, na nossa zona. Será que se tem feito todo o possível para prevenir e reprimir estes roubos? Eu creio que não.
Fico entretanto a aguardar pelo próximo atentado ao património cultural, já que não são esperadas melhoras, e não venham dizer que falo por falar. Infelizmente o tempo tem-me dado sempre razão.

Etiquetas: , ,


Comments:
É aprimeira vez que visito este blog meu cáro amigo aqui do outro lado da serra do Açor até as pedras que ornamentavam a entrada do cemiterio foram robadas assim como pedras que davam beleza a um fontanario na minha terra foram roubadas é o Pais que temos sem lei nem autoridade nem respeito pelo proximo fica-te mundo para cada vez pior já dizia o meu avõ
blog VOZ DO GOULINHO um abraço
 
Volto à carga com o que digo sempre: comecem a investigar muitos dos senhores que se dizem antiquários e respectiva clientela de tios e tias cheios de dinheiro, ou seja, aqueles que se deram bem com a crise e procuram novas áreas de investimento ou apenas um traste para decorar a mansão. Infelizmente suponho que uma parte significativa destes roubos vai igualmente parar à Russia ou China para decorar palácios de mafiosos e quejandos, nestes casos nada feito, terão o mesmo destino que as pilhagens dos franceses.

rgaidao
 
A GNR que mande parar as carrinhas da ciganada e outras parecidas e não olhe para o lado quando eles passam, a maior parte sem documentos, sem guias, sem inspecção do veículo, etc. . Por certo que teriam grandes surpresas. Mas infelizmente por estas bandas os guardas bons são aqueles que assim actuam e não chateiam ninguém. Meus amigos estar na GNR é um emprego e não um serviço para proteger os cidadãos e o património seja ele privado ou público. O importante é o cacau cair lá para o fim do mes e se possível sem chatices.
 
De facto, os roubos às antiguidades que são de todos são uma realidade e as nossa policias pouco ou nada fazem para contrariar os larápios.
Estou-me agora a lembrar de uma imagem à entrada da Vila de Idanha-a-Nova " Nossa Senhora dos Caminhos" em granito, sempre que lá passo olho para ela mas um dia destes sei que já lá não vai estar. Uma imagem igual junto ao cruzamento do Rosmaninhal tambem já foi levada á bem pouco tempo restaram as flores!
 
E triste muito triste mesmo!
Mas mais triste e que parece que ninguem lhe da ouvidos!

Um abraco de amizade dalgodrense.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?