21 de julho de 2008

 

A Egitânia apanhada em cuecas

Imagem tirada daquí

Já há algum tempo que não falo sobre Idanha-a-Velha. Geralmente este facto seria um sinal positivo, já que ao falar, quase sempre é para apontar coisas más.

Pois é nem tudo na capital dos egaeditani corre às mil maravilhas. Nos últimos tempos a limpeza de ruas e espaços públicos deixa muito a desejar. Não sabemos porquê, mas que há quatro pessoas "quase" diariamente a mexer nisso também é uma verdade, pelo que não se justifica tanto desmazelo. Algo está a correr mal ou fora de controlo nas limpezas. Esperemos que seja percalce temporário e que dentro em breve tudo esteja bem limpinho.
Continua um enorme silvado com muito lixo à mistura no chamado Quintal do Franco, mesmo ao lado do posto de turismo. Já o ano passado chamei a atenção para este foco de inundice e de possivel incêndio. Assoviaram para o lado, pois está igual ou pior que no passado.
O trânsito e o estacionamento não há meio de ser disciplinado, nem poderá ser, pois a autoridade é a primeira a prevedericar ao estacionar frequentemente a viatura numa rua estreita cortando deste modo o trânsito normal na mesma. Mesmo com um carrinho de mão.

Começaram hoje as escavações no «forum» sob a direcção do Pedro Carvalho, professor da universidade de Coimbra. Boas escavações e que os resultados sejam publicados em breve. A propósito de resultados, estamos quase há 15 anos com escavações frequêntes e publicações das mesmas nem vê-las, o pouco que saiu foi muito minimo e disperso.

Os encontros de arqueologia que anualmente se realizavam em Idanha-a-Velha sobre a antiguidade tardia, «foram com os ciganos», dava muito que fazer, pelos vistos.

Etiquetas: ,


Comments:
Amigo Baptista
Será que as cuecas são de algum membro da equipa das escavações? Ou de algum romano descuidado com a sua roupa interior? Aqui fica o mistério....
 
Com tantas escavações ao longo dos anos onde estará o espólio encontrado? e não me refiro ás pedras espalhadas junto à Sé!
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?