14 de março de 2008

 

Coz - Alcobaça; Uma singela homenagem

Nos afazeres da festa anual de Idanha-a-Velha, de que sou festeiro, por vezes conhecem-se pessoas que nunca suporiamos vir a ver mais que uma vez, menos ainda que nos ajudassem sem qualquer intuíto de retorno. Estou a falar dos elementos da Junta de Freguesia de Cóz, freguesia situada a cerca de 8 km a norte de Alcobaça.
Estas pessoas visitaram Idanha-a-Velha integradas numa excursão, servimo-los o almoço e criou-se uma espécie de empatia entre ambas as partes. Como Coz está inserido numa zona onde existem algumas fábricas de louça, os Senhores António Pires e Álvaro Santo da Junta local prontificaram-se a fazer algumas "demarches" no sentido de junto das empresas locais nos arranjarem algumas prendas para a nossa quermesse. Em boa hora.
Fomos no fim de semana passado lá buscar o resultado das suas boas vontades. Trouxemos algumas largas centenas de prendas, mas também umas amizades que nunca será esquecida. Fomos também beneficiados com uma visita ao que resta do fabuloso mosteiro cisterciense de Coz, que ainda hoje possui a capela espectacular. Ficamos encantados com o entusiasmo da Junta local que tudo tem feito para restaurar o possível e comprar as outras partes do mosteiro, agora nas mãos de particulares desde o liberalismo.

Bem hajam António Pires e Àlvaro Santo, pessoas como vós não se encontram todos os dias.

Etiquetas:


Comments:
Caro Joaquim

Belo exemplo de cooperação.
O verdadeiro espírito de entreajuda das nossas aldeias a funcionar.

Abraço
 
Joaquim:

Felizmente ainda há pessoas com o bom e velho espírito de entreajuda que era apanágio das gentes sãs de Portugal.

Obrigado pela sua visita ao Sino.

Um abraço e tudo de bom!
Jorge G.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?