16 de setembro de 2007

 

A Museologia portuguesa no seu melhor e reflectindo a sua real dimensão

O Centro Cultural de Belém anunciou hoje ter encontrado no seu acervo um quadro de Júlio Pomar, intitulado “Camões”, dado como desaparecido há quatro anos.
Num comunicado enviado às redacções, o gabinete de imprensa do CCB adianta que a pintura de 1989 foi encontrada durante “a reorganização dos espaços das reservas” do centro, tendo já sido comunicado o facto ao pintor e à Polícia Judiciária, que abrira um inquérito ao desaparecimento
.
Foi para se registarem coisas destas e mais graves que os "barões" e as "baronesas" da nacional museologia não deixaram implantar-se o SERVIÇO DE INVENTÁRIO DAS COLECÇÕES criação do malogrado e saudoso Lucas Pires. Corriam os primeiros anos da década de 80 do século passado. Não houve melhorias.....só vaidades e novas tecnologias mal aproveitadas.

Etiquetas: ,


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?