22 de dezembro de 2006

 

Viriato, outra vez



Se ao menos os cultores das ‘viriatadas’, das 'templaradas', dos pseudo-folclores históricos e de outras artes afins tivessem passado os olhos sobre o ‘clássico’ Viriato de Adolf Schulten outro seria, decerto, o seu pensar. Mas não. O que é importante para a nossa economia raiana são as promoções das anacronias culturais desde que se façam acompanhar pelo toque dos adufes. Pensar e reflectir? Está quieto que não conheço.


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?