11 de dezembro de 2006

 

Quem é?


Quem é esta personagem que mereceu esta estátua em Zamora (Espanha)? Vou dar algumas pistas

1 - Nasceu em várias "pátrias";
2 - Não gostava de invasores;
3 - Dizem ter passado por Idanha-a-Velha pelas Serras da Gardunha e da Estrela;
4 - É um dos mitos da nacionalidade portuguesa.


Não é dificil, pois não? Aguardo sugestões
Comments:
E o Viriato numa das belas praças de Zamora. Curiosamente a forma como as árvores estão podadas e tratadas é fascinante...
 
Uma pergunta para os que se movimentam nestas lides históricas e arqueológicas: o que acham do livro de Mauricio Pastor Muñoz sobre Viriato. Estou a lê-lo...
 
Viriato, já lá estive...
 
Nao e dificil nao senhor e, ate e parecida com a estatua existente em Viseu.
Viriato pois claro.

Um abraco e uma boa semana.
 
Hum...
Devo ter perguntado por um autor que é um "curioso" ou sem qualquer reputação cientifica. Sinto que o silêncio à volta da minha pergunta sobre Mauricio Muñoz deve querer dizer que estou a ler um criativo. Espero que não, mas digam-me lá qualquer coisinha, é que eu não tenho referência mesmo nenhuma e quando comprei o livro foi mesmo de impulso sem qualquer sopro amigo. E embora esteja a gostar muito de o ler, é bom poder enquadrar o autor e isso só quem sabe é que o pode fazer. Eu não sei.
 
Caro Stalker eu não conhecia este livro, publicado na versão original em 2004 com o título de Viriato. El héroe hispano que luchó por la libertad de su pueblo (Madrid, 2004). Ainda não o li mas o autor parece-me de confiança. Não se tratará por certo de nenhum código de da vinci, por certo.
 
VIRIATO, REY DE LOS CELTAS

Colección: Lunaria
Autor: MACLUG D´OBRHERVAT
Editorial: Celya
Fecha: 31/enero/2006
Materia: NARRATIVA -Teatro-
Soporte: Papel
Encuadernación: Rústica con solapas
Edición: 1
Nº de páginas: 102
Formato: 13 x 21 cm
ISBN: 84-96482-16-2
Referencia: Lunaria 24
PVP: 9 €
Descripción: (Celtiké, 147-130 a. C). Representación dialogada de algunos momentos de la vida de un hombre al que los celtas dieron "Las virias", sólo concedido a los héroes- y los romanos reconocieron como "Amicus populi romani" -sólo concedido a los reyes-.
Este luso-vettón vive su infancia en el Bajo Duero. Dicen que las ocho franjas de la Seña Bermeja, bandera zamorana, se deben a las victorias de este caudillo. Este Viriato aquí expuesto, si tú quieres, podría ser el héroe de los tiempos futuros.
 
e do viriato do freitas do amaral ninguem fala
 
Obrigado Joaquim. O livro de que falo não é esse. Chama-se Viriato - A luta pela liberdade, foi editado em Portugal pela Ésquilo e já vai na 5ª edição. O título original é o mesmo em castelhano.
O ISBN é: 972-8605-23-4 e o original terá sido editado em 2000.
O autor é licenciado em Filologia Clássica e doutorado em História Antiga pela Universidade de Salamanca. Actualmente, é professor de História Antiga na Universidade de Granada.

A escrita é escorreita e parece-me muito cuidado no que respeita a fontes de informação e ao seu próprio trabalho de investigação.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?