27 de setembro de 2006

 

Quem acode ao freixo do rei Wamba?




















Consta que o rei visigodo Wamba tenha sido natural da Egitânea, o que se deve por em causa, pois isso não passa de mais um mito, no entanto ao longo dos séculos as pessoas foram arranjando coisas que justificassem a sua passagem por Idanha-a-Velha. Assim arranjaram-lhe um palácio numa casa quinhentista com um paredão romano de boa estampa. Arranjaram-lhe um bairro onde nasceu, denominado Guimarães, por certo para contrapor à cidade de Guimarães, outra candidata a albergar o nascimento de tão garbosa personagem. Mas o eposódio mais curioso prende-se com a lenda da vara que reverdejou. A descendencia dessa vara milagrosa encontra-se em Idanha-a-velha, só podia ser, na Tapada do Jardim a escassos metros do Ponsul. Mas como tudo na velha Egitânea também a árvore, um freixo, está ao mais completo abandono. Está a precisar de uma boa poda, senão morre. Nos anos 60 D. Fernando de Almeida decidiu pôr à sua volta uma cercadura de pedras de granito para a proteger e musealizar o espaço. Nessa cercadura mandou colocar uma inscrição, mandada fazer para o efeito, imitando uma lápide romana com os dizeres " VVAMBA / EGITANIENSE ", que segundo o Padre Joaquim Martinho, relator para Idanha-a-Velha das Memórias Paroquiais, aí estava, mas que entretanto tinha desaparecido. Pois, essa mesma cercadura está também hoje em ruínas e já cairam algumas pedras. Não sendo uma grande obra, não seria muito, pedir a quem de direito que promovesse o seu restauro, mas a quem? IPPAR? Câmara?Dono do terreno?Junta de Freguesia?. Por certo todos vão aproveitar para "impontar" para os outros tal responsabilidade. Também não seria escandaloso que limpassem a árvore. É um apelo que faço, espero ser ouvido (espero que não seja preciso sentar-me)
Vamos lá, mãos à obra...

Comments:
Tente publicar o texto num jornal local e enviar o endereço desta entrada para um orgão de comunicação nacional (estilo SIC ou RTP). Daria muito mais visibilidade ao assunto e já se sabe o impacto que a coisa pode ter quando aparece na televisão.
 
Boa sugestão a de cima. E que tal falar com todos os intervenientes?
A ver o que eles têm a dizer...
 
Olhe, creio que a junta da freguesia, sera a mais indicada, sempre e mais perto e para podar a arvore e arranjar a cercadura, nao devem ser necessarias grandes verbas.

um abraco da Serra.
 
Grande falta faz o senhor Adelino. Enqunto foi vivo não precisou de implorar ao proprietário, Junta de Freguesia, Câmara, IPPAR, Ministério da Cultura, Primeiro-Ministro, Presidente da República, UNESCO, para zelar pela conservação do espaço.
 
Pois não, assim estava tudo sujo, a começar pelas ruínas de volta de catedral e pelas muralhas. Penso que há muita documentação acerca dessa época. Não queira branquear como é seu costume. Já observo a sua de maneira de actuar há muito tempo
 
acho boa ideia, e para arranjar dinheiro para isso vendiam-se as pedras do pavilhão de epigrafia que estão na rua.
 
Continue a observar, só lhe fica bem, é para isso que cá estamos.
 
Caro Aquiles, não sei para que trouxe uma vez mais esse mito, sim, porque não passa disso o senhor Adelino. Deixe-o descansar em paz. Para além de um poder comunicativo e persuasivo, não lhe reconheço outras qualidades. E para falar de maus exemplos falemos dos actuais que com os antigos podemos nós e já são passado. Agora o que se está a passar na Egitânea é um verdadeiro descalabro, com as peças por todos os cantos à mercê dos meliantes, que por cá têm rondado, como aconteceu com uma trupe da zona de Lisboa que andaram a correr o povo e a tirar fotos de noite, tendo um deles inclusivé entrado por escalamento dentro da cerca da casa Marrocos. Isto na 4ª feira, ontem apresentaram-se outra vez,mas o povo levantou-se e vigiou-os de perto e chamou a GNR para os identificarem, e foram-se embora, porque não fizeram nenhum outro acto ilegal, mas estou convencido que esta gente veio abrir caminho para uma operação mais vasta que resultará nalgum roubo nas noites frias e longas do Inverno. Oxalá me engane. Por isso vê de nada serve invocar a memória do outro, porque não está cá e mesmo que estivesse...
 
Visito pela primeira vez esta página, mas formalmente apreciei e fiquei agradado pela sua qualidade e interesse, numa temática que me interessa de sobremaneira. Para revistar sempre e mais vezes no futuro. Parabéns.
 
Caro Joaquim

Se este canto cheio de interesse estivesse integrado num roteiro turístico lucrativo, certamente que estaria visitável e o custo da dignidade reposta, talvez fosse a especulação com que se reescreveria a sua história.

Cumprimentos e bom fim de semana.
 
Caro Joaquim:

Entao voce a dizer-me que eu tenho andado fujido, entao nao reparou que ate comentei este seu "post"!

Boa semana para o meu amigo.

Um abraco fornense.
 
Ai louvado seja deus nosso senhor que essa gentinha de lisboa é coisa do demo, vade retro...

Ignota Serpe Nigra dos Montes da Lusitânia
 
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
 
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
 
“E disse: Meu Senhor, se agora tenho achado graça aos teus olhos, rogo-te que não passes de teu servo. Eia, traga-se um pouco d'água, e lavai os pés e recostai-vos debaixo da árvore; e trarei um bocado de pão; refazei as vossas forças, e depois passareis adiante; porquanto por isso chegastes ate o vosso servo. Responderam-lhe: Faze assim como disseste.”

“Ficai nessa casa, comendo e bebendo do que eles tiverem; pois digno é o trabalhador do seu salário. Não andeis de casa em casa.”

“Acudi aos santos nas suas necessidades, exercei a hospitalidade.”

“Não vos esqueçais da hospitalidade, porque por ela alguns, sem o saberem, hospedaram anjos.”






"Eis que esta foi a iniqüidade de Sodoma, tua irmã: Soberba, fartura de pão, e abundância de ociosidade teve ela e suas filhas; mas nunca fortaleceu a mão do pobre e do necessitado".


"Portanto assim diz o Senhor: Tua mulher se prostituirá na cidade, e teus filhos e tuas filhas cairão à espada, e a tua terra será repartida a cordel; e tu morrerás numa terra imunda, e Israel certamente será levado cativo para fora da sua terra."
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?