13 de setembro de 2006

 

Mais um mamarracho na zona histórica albicastrense


E no sítio onde outrora estava um jardim romântico, sítuado entre a Rua Nova e a Rua do Cavaleiro, eis que surgue mais uma nóvel obra de betão para glória do seu mentor. Que se saiba não apareceu nada durante as enormes escavações, em plena zona medieval, nem um prego, nem uma moeda nem uma pedra trabalhada. A obra não pode ser atrasada. A cidade irá decerto desenvolver-se com obras de fachada deste teor. Caramba, não haverá tanto sítio para construir garagens subterrâneas? Como já me venho queixando, não se pode ser jardim ou espaço verde em Castelo Branco, qualquer dia marcha o Jardim do Paço, onde alguns atentados vão sendo perpretados. Todas estas obras com o olhar paternal e cumplice do IPPAR albicastrense, que nada faz, nada vigia, nada actua, somente existe para justificar alguns ordenados aos ilustres funcionários do seu quadro.

A foto abifei-a ao Stalker

Comments:
Pelo que vejo o IPPAR de Castelo Branco, funciona as mil maravilhas! Creio que o problema e geral. Ou estarei enganado?

Um abraco serrano.
 
Não está al cardoso.O chefe do ippar tem problemas de visão e de audição.Mas tudo funciona ás mil maravilhas. É como o 'baixinho' quer: betão e tudo caladinho.
 
Olhar paternal ou olhar patrimonial$$$$$$$$$$$$$$$$
 
é grande e tem muito betão falem com o murão....
 
No projecto POLIS também constava, salvo erro, uma mudança radical no largo de S. João. Sabem o que estava previsto, também por baixo do monumento classificado? Um parque de estacionamento subterrâneo, claro...
 
deviam arrasar a porcaria do centros históricos todos e encher de novo, com betão e mais nada.
que chatice, heim !
 
Se fosse ministro arranjava um carimbo "Betone-se!"
 
Mourão riam com BETÃO.
 
Qual é o projecto final? Tem a certeza que o jardim não é reposto? Conheço pessoalmente o responsável do IPPAR, bem como a sua obra, quer no Ministério da Educação-Construções escolares, quer em Macau e agora em Castelo Branco e trata-se de alguém que tem procurado valorizar o Património. Como é sabido as competências e as áreas de intervenção do IPPAR estão parametrizadas.
 
Caro Aquiles, o jardim não será reposto. Eu conheço o projecto, é mais um espaço árido, com lajetas a que vão chamar Praça Académica
 
é o que eu digo betone-se
esse projecto não é parecido com as porcarias das piscina de conimbriga?
 
Um projecto IPPAR+Macau+Polis= PAGODE
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?