3 de agosto de 2006

 

EBVROBRIGA


Saiu há algum tempo EBVROBRIGA, revista do Museu Arqueológico Municipal José Monteiro do Fundão. Trata-se do nº 3 deste periódico e vem na linha dos anteriores, que é uma cuidada apresentação gráfica aliada à muito boa qualidade de textos e de colaborações. Este número reproduz as intervenções apresentadas às Jornadas comemorativas do centenário do nascimento do arqueólogo e médico beirão D. Fernando de Almeida. Esta personagem nasceu no Fundão em 1903, vindo a falecer em Lisboa em 1979. Foi graças a ele que se fizeram as primeiras escavações em Idanha-a-Velha e foram dadas a conhecer a riqueza arqueológica desta zona . Foi igualmente director do Museu de Francisco Tavares Proença Júnior de Castelo Branco, embora num período critico, no início dos anos 70. Estaria todo o dia a escrever sobre a vida e obras deste Homem, mas as suas obras são a sua visibilidade. Em boa hora a Câmara Municipal do Fundão organizou e publicou estas Jornadas, sinal evidente da sua inclinação para os temas culturais.
Já agora aproveito para pôr um único senão a esta obra bibliográfica. Não gosto do formato, mas "do que é que seria das feias se todos só gostassem das belas?"


Assim constam os seguintes artigos:

Amílcar Guerra - D. Fernando de Almeida e a epigrafia igeditana, p. 5-15;
António Lourenço Marques - D. Fernando de Almeida, nos caminhos da medicina, p. 17-22;
João Luís Cardoso - D. Fernando de Almeida: breve evocação no centenário do seu nascimento, p. 23-27;
João Mendes Rosa - D. Fernando de Almeida e a arqueologia do concelho do Fundão, p.29-34;
José d'Encarnação - D. Fernando de Almeida, o Mestre, o Epigrafista, p. 35-39;
M. Justino Maciel - Entre o romano e o visigótico: o inovador contributo científico de D. Fernando de Almeida, p. 41-46;
Justino Mendes de Almeida - Evocação do Professor Doutor D. Fernando de Almeida, p. 47-52;
Raquel Vilaça - Arqueologia na área da "Barragem Marechal Carmona" (Idanha-a-Nova), p.53-61;
Luís Raposo - A acção de D. Fernando de Almeida na direcção do Museu Nacional de Arqueologia e Etnologia, p.63-103;
Joaquim Candeias da Silva - Evocação / memória de alguns médicos notáveis da Beira Interior: concelho do Fundão: o Prof. Doutor D. Fernando de Almeida, p. 105-117.

Comments:
Nao tenho duvida alguma que o Fundao e toda a Beira (baixa) se encontra muito a frente quando se trata de divulgar o nosso patrimonio cultural.

Desejos que esse mesmo vanguardismo se extenda a toda a Beira.

Um abraco fornense.
 
O loby da cultura do Fundão em acção?
 
http://www.mesothelioma-treatment.co.uk
colorado personal injury attorneys
 
caro amigo:
já não era sem tempo, seria até uma injustiça não reconhecer a este seu espaço a qualidade e o interesse que efectivamente tem e nos enriquece a todos. Desde esta noite, o seu blogue integra os links dos sítios na net que aconselho a visitar.
Abraço
Luís
 
phentermine nice :)
 
é preciso ter coragem para dar certas opiniões anónimas. Comentários assim nem deviam ser aceites no blog, à que dar a cara...
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?