21 de abril de 2006

 

CARTA ARQUEOLÓGICA DO TEJO INTERNACIONAL


Já lá vão mais de dez anos que saiu o primeiro volume, que por acaso era o terceiro de três da Carta Arqueológica do Tejo Internacional da autoria de Francisco Henriques, João Carlos Caninas e Mário Chambino, por volta de 1993. Algum tempo mais tarde saiu o segundo volume. Até hoje estamos à espera do primeiro volume que teima em não sair, truncando deste modo tão profíqua publicação. Não sei se os autores ainda estaram na perspectiva de editar o volume em falta ou simplesmente fica este estudo incompleto. Pelos vistos começaram a construir a casa pelo telhado.
Ânimo e que saia o volume em falta, que por acaso será o volume mais importante já que aí estão as conclusões.

Comments:
é por causa desses atrasos que vou "assistir2 à morte rápida de uma mamoa ....
 
O atraso a que me refrido não se deve a esta carta arqueológica.
Desculpem, Joaquim e autores.

Referia-me ao atraso de informar o IPA de localização simples de sítios arqueológicos durante a prospecção de carta arqueológica de Vieira do Minho. Essa informação deveria char ao Endovelico ainda antes da Carta estar "pronta".
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?